quarta-feira, 1 de agosto de 2007

Tango


Cristina Bergoglio

Aquela mágoa não era dor de ouvidos que escutaram um “não te amo mais”
Aquela mágoa estendia-se ao comprido por debaixo da língua dos mártires que pronunciaram o teu nome que já não era amor no coração dos desesperados
É terrível o tempo de não saber voltar à música de dois corações livremente amordaçados um ao outro, dois de um, um de dois.


3 comentários:

Ad astra disse...

aquela mágoa...sempre a mesma mágoa...

beijo ad ti

Ad astra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vieira Calado disse...

Pequeno belo texto bela imagem.